top of page
Buscar
  • Foto do escritorMinha Cesta

Bahia Sem Fome: Minha Cesta faz parceria com o Governo do Estado


Empresas que doam podem receber benefícios fiscais

A startup baiana de impacto social Minha Cesta passa a atuar como parceira independente do programa Bahia Sem Fome, atendendo ao público em geral na aquisição e entrega de cestas básicas.


Para Roseane Moreira, CEO da startup, participar da iniciativa potencializa as ações para a transformação social que a organização busca: "Esta é uma grande oportunidade de ampliarmos o alcance do nosso trabalho e chegarmos a mais baianos, impactando ainda mais vidas. Nós acreditamos que , juntos, podemos transformar realidades agindo em prol da mudança necessária".


Fundada em 2021, a Minha Cesta utiliza uma plataforma digital para conectar investidores com instituições verificadas e que prestam serviços sérios e necessários à sociedade. A startup já entregou mais de 8 toneladas de alimentos através da assinatura de seus planos por pessoas físicas e jurídicas, beneficiando mais de 2.500 baianos! Também foi reconhecida e potencializada por importantes iniciativas como o programa de subvenção econômica "Inventiva", da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (FAPESB), que apoia projetos inovadores.



Segundo o IBGE, o Brasil possui mais de 10% de sua população em extrema pobreza e são mais de 116,8 milhões de pessoas em situação de insegurança alimentar. A crise provocada pela Covid-19 também impactou a taxa de desemprego, vindo a afetar todo o país, mas principalmente o Norte e Nordeste. A sociedade dá cada vez mais prioridade a apoiar projetos que ofereçam maior potencial de transformação social em sua região. No entanto, os apoiadores (PJ e PF) ainda despendem muito tempo e recursos para identificar entidades e instituições com alinhamento ao seu perfil. Diante disso, o investimento em projetos de apoio social via Internet continua sendo subaproveitado. A falta de recursos leva muitas instituições a ter pouca presença digital, o que diminui o alcance das suas ações. Consequentemente, as pessoas a quem elas atendem acabam não se beneficiando de apoios importantes.


Além disso, a participação dos apoiadores continua sendo passiva, normalmente se limitando a escolher uma única opção de investimento (geralmente, dinheiro) e sem a possibilidade de acompanhar as fases seguintes do processo. Urge potencializar a cultura de apoio social através de novas soluções digitais, que permitam dotar o apoiador de mais meios para aumentar seu grau de engajamento, com a oferta de mais opções de investimento, maior praticidade na aquisição e maior transparência em todo processo, e que também ofereçam mais contrapartidas pela sua participação, sob a forma de benefícios exclusivos.


Entre em contato conosco e venha participar dessa jornada de prosperidade e dar voz e vez para o nosso povo!



Comments


bottom of page